Os benefícios da medicina esportiva

O conceito de vida saudável cerca nosso cotidiano hoje por todos os lados, seja por orientação médica, seja por uma busca de resultados estéticos, ou ainda por uma conscientização adquirida pelas pessoas de que a soma de uma alimentação natural com a prática de atividade física regular representa o melhor caminho para prevenção da obesidade e de problemas cardiovasculares.
O exercício físico frequente, embora extremamente benéfico, merece um série de cuidados especiais para não se tornar um vilão. É recomendada uma análise especializada sobre o perfil corporal do indivíduo, incluindo características constitucionais e adquiridas, que permitem ações preventivas e também corretivas visando o aumento de performance e redução de impactos e lesões, sejam de atletas profissionais, sejam da população em geral.
A medicina esportiva associada à constante evolução dos métodos de diagnóstico por imagem vêm contribuindo de forma significativa para a otimização do exercício físico, garantindo um planejamento adequado, identificando e mensurando pontos críticos e também atuando no tratamento e na aceleração da recuperação de contusões.
A associação dos princípios fisiológicos de cada organismo com suas características biomecânicas, muitas vezes definidas e detalhadas por exames de imagem, traduz de forma fidedigna o potencial máximo de cada um, o que precisa ser trabalhado e o que deve ser evitado, permitindo a prática de atividade física de forma segura, com prevenção de traumas de estresse, sobrecarga, lesões musculares e tendíneas, preservando os grupos articulares mais propensos a injúrias.
O futebol e as corridas de média e longa distância, que vêm se tornando uma febre na nossa população, são exemplos de atividades que desencadeiam um nível de sobrecarga bastante significativo no corpo. Exames de imagem, em especial a ressonância magnética, permitem definir com exatidão a presença ou não de condições adversas nos músculos, fazendo com que o paciente tenha orientação adequada sobre se deve ou não fazer uma atividade e sobre os riscos envolvidos.
O controle por exames de imagem de lesões do sistema músculo-esquelético permite uma otimização do tratamento, com definição precisa do status de recuperação e consequentemente permitindo o retorno mais precoce às atividades.
A ampliação do conhecimento e da conscientização faz com que hoje todo atleta busque apoio na medicina esportiva diagnóstica, procurando melhorar seus resultados e sua relação com o próprio corpo. No futuro, o ideal seria que toda a população estivesse devidamente protegida por estes conceitos, o que melhoraria a qualidade de vida e a saúde de todos.

× Como posso te ajudar?